segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

4 comentários:

S 12:53 da tarde  

Muitas vezes nem são precisas as mordaças para nos impedir de falar...

Alex 12:55 da tarde  

Podias emprestar-me a tua voz ... ?

Vivis 2:22 da tarde  

Posso ajuda...
a tirar as mordaças já seria um bom começo.

Maria 9:14 da manhã  

Pois é, destes vejo eu aos montes lá em baixo, sem mordaças, prontinhos para tricarem o dedo a quem se atreve a tocar-lhes. Mas são lindos.
Sabes que agora custa-me um pouquito comê-los?
São tão bons mas, ... não sei, vivo sempre um grande dilema, uma certa angústia quando os tenho num prato, à minha frente.

  © Distributed by Blogger Templates. Blogger templates Newspaper III by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP